Explosões do Sri Lanka matam mais de 200 pessoas dentro de uma igreja catolica

Onda de atentados aconteceu um mês antes do Sri Lanka marcar o principal aniversário da guerra civil Ainda não está claro quem esteve por trás dos atentados de domingo. O que é aparente, é que esses ataques coordenados ao Domingo de Páscoa – realizados em oito locais, incluindo igrejas e hotéis em todo o Sri Lanka – foram destinados a cristãos que celebravam um dos dias mais sagrados do ano. As explosões acontecem um mês antes de o Sri Lanka marcar o aniversário de 10 anos do fim de sua guerra civil em 2009.  É um quadro muito confuso em termos de quem pode ou não ser responsável. A guerra civil do Sri Lanka terminou há 10 anos, uma guerra civil de 25 anos e os separatistas tâmeis eram um grupo secular. Seria muito, muito diferente deles e de suas táticas atacarem igrejas e particularmente em um dia tão sagrado. Tem as marcas – ou pretende ter as marcas – dos extremistas islâmicos. Mas, novamente, esses tipos de grupos são desconhecidos no Sri Lanka. =fonte usa

O que achou?

comentários

Anterior

Próxima

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This
NewsExplosões do Sri Lanka matam mais de 200 pessoas dentro de uma igreja catolica