BREAKING NEWS

Preços de carros usados ​​disparam conforme a pandemia de COVID-19 sacode o mercado de carros novos

Fonte: US Today Se você esperava encontrar algumas economias durante a pandemia de COVID-19, infelizmente não as encontrará no mercado de carros usados. Então, novamente, você pode conseguir ganhar algum dinheiro se estiver disposto a se desfazer de um veículo porque...

Centenas de águas-vivas são vistas no litoral do RJ

Fonte:G1 Três colônias de águas-vivas se deslocavam em direção a Mangaratiba. Biólogo Mario Moscatelli afirmou que banhistas de praias do Rio precisam de cuidado no mar. Imagens feitas pelo Projeto Olho Verde registraram grupos de águas-vivas circulando pelo litoral...

Debandada no governo, Secretários especiais do Ministério e do Presidente do Banco Central pedem demissão

Fonte: R7 Paulo Guedes diz que pedidos de Salim Mattar e Paulo Uebel ocorrem por insatisfação com o andamento das privatizações e da reforma administrativa. Os secretários especiais do Ministério da Economia  Salim Mattar (Desestatização) e Paulo Uebel...

Afeganistão irá liberar 400 prisioneiros do Talibã

Fonte: “Terra” A Loya Girga (grande assembleia) do Afeganistão aprovou a libertação de 400 prisioneiros que pertencem ao grupo Talibã neste domingo (09) como forma de acelerar o processo de negociação de paz no país. A decisão veio após três dias de negociações e,...

Brasil – Paraná faz acordo com Rússia para produzir vacina contra coronavírus

Fonte: R7 Governo do estado anuncia acordo com empresa estatal russa para fabricação, produção e distribuição de vacina Sputnik V contra coronavírus. O governo do Paraná anunciou que irá assinar, na quarta-feira (12), um convênio com a empresa estatal russa para...

Vacina Russa- OMS não tem informações para avaliar a vacina

Fonte: “Terra” / Reuters A Organização Mundial da Saúde (OMS) não recebeu informações suficientes sobre a vacina russa contra a Covid-19 para avaliá-la no momento, disse nesta terça-feira o diretor-assistente da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), Jarbas...

Milhares de crianças nos EUA se infectaram com coronavírus nas últimas semanas de julho

Fonte:G1 O aumento de 40% das infecções na população infantil se deu no momento em que alguns estados reabriram as escolas. Quase 100 mil crianças foram infectadas com o coronavírus nos Estados Unidos nas últimas duas semanas de julho, período em que alguns estados...

Bolsonaro convida Temer para chefiar missão no Líbano

Fonte: Catraca Livre O ex-presidente acompanhará uma equipe técnica para a perícia no local da explosão. Neste domingo, 9, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) anunciou uma missão de ajuda humanitária ao Líbano e convidou ex-presidente Michel Temer,  filho de...

Velejadores em Festa no Lago “Boca” estão levantando preocupações sobre o COVID-19

Fonte: Sun Sentinel As pessoas brincam no sol, ignorando as diretrizes de distanciamento social, no Lago “Boca”Raton, sábado, 8 de agosto de 2020. (Michael Laughlin / Sun Sentinel). A festa continua no Lago “Boca”, apesar da crise do COVID-19, e a falta de...

Avião da United é evacuado em Newark após ameaça de bomba

Fonte New York Post/ R7 A bagagem de um vôo da United Airlines de Los Angeles foi revistada na pista do aeroporto de Newark no domingo, depois que um passageiro fez uma ameaça de bomba, segundo relatos. O vôo 2304 foi recebido pela polícia quando pousou por volta das...

Quer fazer Home Office em Barbados?

Fonte: Revista Época / Insider

Barbados quer criar “visto especial” para que turistas façam home office na ilha.

A intenção é que, em vez de trabalhar remotamente de seu país de origem, viajantes façam seu home office na ilha.

A imposição do home office, devido às medidas de isolamento social necessárias para conter a pandemia de coronavírus evidenciou que muitos profissionais podem trabalhar de qualquer lugar. Essa ‘liberdade’ soou como uma oportunidade interessante para Barbados, um pequeno país localizado em uma ilha no Caribe.

Para as autoridades do país, entre trabalhar em um grande centro urbano ou em um paraíso tropical, as pessoas certamente escolherão o “paraíso”.

A primeira-ministra de Barbados, Mia Amor Mottley, disse no dia 01 de julho, que o país do Caribe planeja introduzir um “programa de boas-vindas”, que permitiria que os visitantes permaneçam por um ano na ilha trabalhando remotamente

Segundo Mia, com o programa, as “pessoas poderiam trabalhar nas empresas dos seus respectivos países de origem enquanto permanecem em Barbados”. Nesse caso, o trabalho seria feito de maneira completamente digital, por meio do home office.

Entretanto, além da declaração da primeira-ministra, as informações são escassas. Um representante do Ministério do Turismo de Barbados disse ao portal Insider que “os detalhes do visto ainda estão sendo finalizados pelo governo”. Logo, em breve devem ser anunciadas mais novidades.

Para chegar nessa ideia, os governantes consideraram que a pandemia está desencorajando as pequenas viagens, como aquelas feitas durante os meses de férias do funcionário. Nesse contexto, um carimbo de 12 meses tornaria a viagem mais viável, permitindo que o profissional continuasse desempenhando suas funções enquanto aproveita sua viagem.

Outro benefício da medida seria atrair capital exterior, injetando os dólares tão necessários na economia do país durante esse período de crise.

Segundo a declaração da ministra em 26 de junho de 2020, Barbados deve reabrir para turistas no dia 12 de julho, quando algumas linhas aéreas devem ser retomadas.”Mesmo assim, nossa abordagem continuará sendo baseada na proteção de nosso país, nosso povo e nossos visitantes”, afirmou Mottley.

No entanto, é importante observar que as viagens não essenciais ainda não são recomendadas em muitos lugares devido à pandemia.

Segundo um comunicado da agência de turismo de Barbados, visitantes de países de alto risco (que apresentaram mais de 10 mil novos casos da doença nos últimos sete dias) são “fortemente encorajados” a fazer o teste da covid-19 em, no máximo, 72 horas antes do embarque.

Os viajantes de locais de baixo risco (com menos de 100 casos registrados nos sete dias anteriores) podem fazer o teste até uma semana antes da partida.

Os viajantes que não fizerem o teste antes de sua chegada em Barbados terão que o realizar assim que desembarcarem no país. Em seguida, eles serão colocados em quarentena até receberem os resultados processo que pode demorar até dois dias.

Caso os resultados forem positivos para a covid-19, os viajantes  “serão isolados onde receberão cuidados do Ministério da Saúde e Bem-Estar”, afirmou o comunicado à imprensa. 

O que achou?

comentários

Anterior

Próxima

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This
Business Quer fazer Home Office em Barbados?