Ex-espião desertor da Coreia do Norte faz relato impressionante sobre drogas, armas e terror

Ex-espião Kim Kuk-song desertou da Coreia do Norte temendo por sua vida e resolveu falar pela primeira vez

Kim Kuk-song não perdeu os velhos hábitos.

Foram necessárias várias semanas para marcar uma entrevista com ele, e o norte-coreano ainda está preocupado com quem pode estar nos ouvindo.

Kim usa óculos escuros, e apenas dois integrantes de nossa equipe sabem qual é seu nome verdadeiro.

Ele passou 30 anos trabalhando para chegar ao topo das poderosas agências de espionagem da Coreia do Norte. As agências eram os “olhos, ouvidos e cérebros do Líder Supremo”, conta.

Agora, o ex-expião decidiu contar sua história . É a primeira vez que um oficial militar do alto escalão de Pyongyang concede uma entrevista .

Kim era o “o mais vermelho dos vermelhos”, disse ele, em entrevista exclusiva. Um servo comunista leal.

Mas posição e lealdade não garantiram sua segurança na isolada Coreia do Norte.

Ele teve que fugir para salvar sua vida em 2014 e, desde então, vive em Seul, capital da Coreia do Sul, e trabalha para a inteligência sul-coreana.

Kim retrata uma liderança norte-coreana desesperada para ganhar dinheiro de todos os meios possíveis, desde negócios de drogas a vendas de armas no Oriente Médio e na África.

Ele nos contou sobre a estratégia por trás das decisões que estão sendo tomadas em Pyongyang e os ataques do regime à Coreia do Sul. Também diz que as redes cibernéticas e de espionagem do país podem alcançar toda não pode verificar de forma independente suas alegações, mas conseguimos provar sua identidade e, sempre que possível, encontramos evidências que corroboram suas alegações.

Entramos em contato com a embaixada norte-coreana em Londres e a missão em Nova York para uma declaração, mas até agora não recebemos resposta.

O que achou?

comentários

Anterior

Próxima

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This
Sem categoriaEx-espião desertor da Coreia do Norte faz relato impressionante sobre drogas, armas e terror