Mulher morre em clínica de recuperação pós-cirúrgica em Miami após brazilian butt lift

Rachelle Demosthenes, de 32 anos, viajou de New Jersey para Miami acompanhada da amiga Jeanine Ellis em 17 de agosto passado. A proposta do desembarque no Sunshine State era realizar as cirurgias estéticas brazilian butt lift e Lipo 360.

Segundo o laudo policial obtido pelo canal Local10 News nesta segunda (22), após ambas realizarem as operações, elas foram encaminhadas para a casa de recuperação pós-cirúrgica Glamorous Dolls, localizada na Southwest 31st Av.

O local teria cobrado $300 de cada paciente e assegurado atendimento médico durante as 24 horas em que elas deveriam estar em observação pós-procedimento.

Ellis contou ao Local10News que adormeceu ao chegar e despertou horas depois com os gritos de dor da amiga. “Ela estava cercada por pessoas e supostamente perdendo a consciência e sangrando”, falou, acrescentando que “não havia médico disponível no momento, apenas uma técnica de enfermagem”.

Mais tarde, a polícia descobriu que a Glamorous Dolls não tinha autorização de funcionamento e tampouco profissionais registrados no Conselho de Saúde da Flórida para prestar este tipo de atendimento.

“Eu disse: Vocês precisam ligar 911 agora, mas eu posso afirmar que eles não queriam ligar”, lembrou Ellis. De acordo com ela, uma outra paciente que estava presente acionou o serviço de emergência que chegou rapidamente,

O departamento de homicídio da polícia de Miami está investigando o caso.

Rachelle se tornou a 22ª pessoa a morrer em decorrência de intervenções estéticas envolvendo o brazilian butt lift no sul da Flórida desde 2010 até agora. O último caso

mas a vítima teve o óbito confirmado poucas horas após dar entrada em um hospital.

 

O que achou?

comentários

Anterior

Próxima

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This
NewsMulher morre em clínica de recuperação pós-cirúrgica em Miami após brazilian butt lift