Atitudes e pensamentos que podem sabotar o seu emagrecimento. Confira!

Querer ter resultados imediatos

Buscar resultados imediatos é comum entre as pessoas que querem emagrecer para algum determinado evento, seja um casamento, uma festa ou uma viagem, por exemplo. Nesses casos é comum as pessoas acabarem optando por estratégias extremistas que além de não serem sustentáveis a longo prazo, podem acabar comprometendo a própria saúde.

É importante esclarecer que atitudes extremistas como cortar alimentos fonte de carboidrato, por exemplo, não promove mudança de comportamento e não torna as pessoas mais saudáveis.

Buscar estratégias que te ofereçam habilidades e ferramentas necessárias para mudar o seu comportamento e mantê-lo a longo prazo é a melhor alternativa para um resultado sustentável e duradouro, mesmo que para isso seja necessário ter um pouco mais de paciência, que aliás, é a nossa próxima sabotadora.

Falta de paciência

Como já vimos, a busca desenfreada pelo resultado, sempre no curto prazo, não é o melhor caminho. Um processo de emagrecimento saudável e duradouro exige constância e paciência.

Defina metas alcançáveis e vá aumentando gradativamente, dando um passo de cada vez. Aprenda a celebrar cada vitória, por menor que ela pareça ser. A somatória de todas elas no final é o que determinará o seu sucesso.

E não se frustre caso haja uma recaída, é completamente normal. Apenas tenha clareza dos seus objetivos e continue empenhando-se para que eles sejam atingidos.

Ser “8 ou 80”

As pessoas que são “8 ou 80” costumam rotular os alimentos como sendo proibidos ou permitidos, e justamente por rotularem os alimentos desta maneira, quando consomem algum alimento que consideram “proibido”, acabam acreditando que tudo tenha ido por água abaixo! Geralmente essa sensação de fracasso é seguida de um pensamento “já que eu comi, então vou comer até o reboco da parede”, e adivinha? O resultado acaba sendo comprometido.

É importante ter em mente que não existem alimentos ruins ou bons, permitidos ou proibidos, que engordam ou emagrecem. É evidente que alguns alimentos são mais interessantes nutricionalmente do que outros, mas todos têm o seu espaço e podem fazer parte de uma alimentação saudável, se atentando então, em relação à frequência e à quantidade.

Fazer dietas restritivas

Estudos já provaram que dietas restritivas não promovem uma redução de peso duradoura e podem contribuir para piorar a relação do indivíduo com a alimentação.

Pare de se privar e permita-se comer os alimentos que gosta com prazer e moderação.

Ter autonomia e flexibilidade nas suas escolhas alimentares é a chave para mudar definitivamente os seus hábitos alimentares.

O jogo da culpa 

Não reconhecer que você é o único responsável pelas suas mudanças e buscar por alguém ou alguma circunstância para culpar pela sua falta de resultados, é uma outra atitude sabotadora.

Você é o único responsável pela sua mudança, ninguém pode vencer o seu próprio jogo mental por você.

Isso não significa que você seja o culpado (a) por não ter tido resultados até hoje, você apenas ainda não encontrou o melhor caminho.

Faça uma projeção do seu cenário atual no futuro. “Será que vai ser mais fácil mudar daqui 6 meses? 1 ano? 5 anos? Com 2, 5 ou 10 kg a mais? Ou será que é melhor eu mudar agora?

De fato, mudar não é fácil, mas será que é fácil continuar da maneira como está? Sem autoestima ou sem disposição? Faça essas perguntas para si mesmo e tenha clareza dos seus objetivos, é o que lhe dá motivação para alcançá-los.

Você não precisa mais se frustrar por não conseguir fazer uma dieta extremista ou por não conseguir resultados a curto prazo, já ficou claro aqui que esse não é o melhor caminho. Você pode optar por um caminho baseado em autocuidado e autonomia que busque o melhor em nome da sua saúde física e mental.

Fontes: https://blog.dietbox.me/5-atitudes-e-pensamentos-que-podem-sabotar-o-seu-emagrecimento/

O que achou?

comentários

Anterior

Próxima

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This
NewsAtitudes e pensamentos que podem sabotar o seu emagrecimento. Confira!