Darya Dugina: Filha de aliado de Putin morta em explosão em Moscou

Darya Dugina foi vocal em seu apoio ao governo russo sobre a invasão da Ucrânia

A filha de um aliado próximo do presidente da Rússia, Vladimir Putin, foi morta em um suposto atentado com carro-bomba.

Darya Dugina, 29, morreu após uma explosão em uma estrada nos arredores de Moscou, disse o comitê de investigação da Rússia.

Acredita-se que seu pai, o filósofo russo Alexander Dugin, conhecido como “cérebro de Putin”, pode ter sido o alvo do ataque.

Dugin é um proeminente ideólogo ultranacionalista que se acredita ser próximo do presidente russo.

Alexander Dugin e sua filha estiveram em um festival perto de Moscou, onde o filósofo deu uma palestra na noite de sábado.

O festival “Tradição” descreve-se como um evento familiar para os amantes da arte que acontece na propriedade de Zakharovo, onde o poeta russo Alexander Pushkin se hospedou.

O que achou?

comentários

Anterior

Próxima

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This
NewsDarya Dugina: Filha de aliado de Putin morta em explosão em Moscou