Brasileiros são capturados atravessando a fronteira do Canadá para os EUA ilegalmente em um jet ski


Quatro brasileiros foram presos por agentes da CBP na fronteira entre Canadá e EUA. Dois deles foram identificados como Lucas Borges e Júlio Ferreira Borges (Foto: CBP)

Um suposto suspeito de tráfico de seres humanos foi preso no último final de semana por ajudar imigrantes a entrar nos Estados Unidos vindos do Canadá em um jet ski, anunciou na terça-feira (23) o CBP (Departamento de Alfândega e Proteção de Fronteiras) dos EUA.

Agentes de Operações Aéreas e Marítimas sobrevoando a Blue Water Bridge no sábado (20) avistaram a embarcação com três pessoas cruzando a fronteira internacional no rio St. Clair, disseram autoridades em um comunicado.

Ao aterrissar perto de Port Huron, eles viram dois dos passageiros saírem e começarem a andar na estrada enquanto o jet ski voltava para o Canadá.

Os agentes da Patrulha de Fronteira então viram o par entrar em um veículo, interceptado por outros agentes de Marysville. Eles identificaram o motorista como um cidadão americano de 39 anos e os dois passageiros como dois homens brasileiros, de 34 e 35 anos, que admitiram ter atravessado ilegalmente para os EUA, disseram as autoridades. Os brasileiros foram identificados como Lucas Borges, 34 anos, Júlio Ferreira Borges, 35 anos.

Logo depois, uma Unidade Marítima da Patrulha da Fronteira de Marysville notou um jet ski com a mesma descrição daquele que cruzou a fronteira anteriormente. Eles entraram em contato com a unidade de Operações Aéreas e Marítimas, que confirmou ser o mesmo jet ski, disseram os investigadores.

Mais duas pessoas saíram do jet ski e começaram a caminhar em direção ao interior. Agentes da Patrulha de Fronteira identificaram os dois como cidadãos brasileiros que também admitiram cruzar ilegalmente a fronteira internacional.

O homem de 47 anos e uma mulher de 44 anos, que não tiveram suas identidades reveladas, se juntaram aos outros dois presos na estação de Marysville para processamento. Todos os quatro não têm status legal para permanecer nos EUA, de acordo com o CBP.

Mozar Feliz da Cruz, motorista identificado pelos agentes do CBP

O motorista de 39 anos, identificado como Mozar Felix da Cruz, foi acusado de transporte ilegal pelo Tribunal Distrital dos EUA para o Distrito Leste de Michigan. Os quatro brasileiros também foram encaminhados para acusação, disseram as autoridades na terça-feira.

Através da coordenação com a Real Polícia Montada do Canadá, duas outras pessoas também foram presas, disseram autoridades.

O que achou?

comentários

Anterior

Próxima

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This
NewsBrasileiros são capturados atravessando a fronteira do Canadá para os EUA ilegalmente em um jet ski