Lutador brasileiro é atacado por falar português no metrô de New York e imobiliza agressor

O lutador brasileiro Renzo Gracie, faixa-preta do jiu-jítsu, aplicou um golpe e imobilizou um homem no metrô de New York na semana passada, após ter sido tratado de forma preconceituosa. A confusão foi filmada e postada nas redes sociais.  Segundo a página Chok Lab, especializada na cobertura das artes marciais, Gracie teria sido ofendido por um homem por estar conversando português alto com um amigo.  O indivíduo, que não foi identificado, teria se aproximado da dupla e falado de forma ofensiva “fale inglês aqui”. O lutador brasileiro discutiu com o rapaz e o acusou de racismo. Os dois acabaram partindo para briga após o bate-boca.

Segundo a “Choke Lab”, após receber o golpe, o homem teria dito “eu não consigo respirar, não consigo respirar”, e pedido desculpas. Após ouvir o pedido de desculpas, Renzo Gracie teria apaziguado a situação, falando calmamente com o homem. “Você vê, é um cara legal. Por que está fazendo isso (sendo preconceituoso)? Por que você é tão indelicado?”, disse o lutador brasileiro pós ouvir o pedido de desculpas.

Renzo Gracie é membro da família mais tradicional do jiu jitsu brasileiro, sendo sobrinho-neto de Hélio Gracie, patriarca do clã. O carioca de 55 anos tem 11 irmãos, incluindo a pentacampeã mundial de jiu jitsu Kyra Gracie. Dono de academias de jiu jitsu nos Estados Unidos,

O que achou?

comentários

Anterior

Próxima

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This
NewsLutador brasileiro é atacado por falar português no metrô de New York e imobiliza agressor